Project Description

  • duo calavento destaque
  • duo calavento2
  • duo calavento3
  • duo calavento4
  • duo_calavento

Duo Calavento

O violino é o instrumento lírico por excelência. O violão é o instrumento mais popular do mundo.

O Duo Calavento conduz essa combinacão rara em composições e arranjos que surpreendem, num concerto com viés teatral: os artistas contam histórias, comentam o repertório e assumem a atmosfera que cada obra evoca.

O Duo Calavento tem sonoridade única. Ao explorar diferentes técnicas e recursos musicais, Diogo Carvalho (violão) e Leonardo Padovani (violino) desconstroem as imagens desses instrumentos, associados quase sempre ou à música popular ou à erudita, como se não pudessem soar juntos.

Os músicos compõem e escolhem seu repertório inspirados no universo das impressões. O ponto de partida é uma imagem, paisagem, sensação, ideia, que se transformam em retratos musicais. A obra Ponte das Cordas nos leva ao interior do Brasil, à vastidão do planalto central, ao som do berrante, ao gado em movimento. Suíte da Sogra é um desenho quase tragicômico do cotidiano. Bangzália (Tom Jobim) apresenta os pampas brasileiros de forma sublime.

O duo não está preso a um estilo ou ritmo específico – cada paisagem, ideia ou obra terá seu caminho próprio, seja pelo baião ou pelo minueto. Essa linguagem musical apresenta ao grande público uma arte complexa e refinada. O reconhecimento veio com o Primeiro Prêmio no Festival Botucanto Instrumental 2009, conquistado pelo duo com a obra autoral Janela do Sol, e se estendeu com os aplausos recebidos em apresentações na Alemanha, Itália e em diversas cidades do Brasil.